LOGO CIÊNCIA E CULTURA NA ESCOLA copernico03.jpg - 11534 Bytes








 SISTEMA SOLAR INFANTIL BÁSICO OPÇÃO ATUAL  AVANÇADO
URANO

 
     ÍNDICE

MITOLOGIA A EXPLORAÇÃO DE URANO AS LUAS DE URANO
CONHECENDO URANO AS PEQUENAS LUAS

Mitologia
PLANETA URANO


SÍMBOLO DO PLANETA
Símbolo
      
      Nome ao sétimo planeta do sistema solar deve-se á proposta do astrônomo alemão Johann Elert Bode. Segundo ele deveria seguir o raciocínio de dar nomes aos deuses greco- romanos. Como o pai de Saturno era Urano, estaria seguindo a lógica adotada com os outros planetas. Urano ou Coelo, o céu na mitologia.Os principais filhos foram Titã, Saturno e Oceano, que se revoltaram contra o pai. Cheio de mágoa em função de uma mutilação, Urano morreu. O que caractyeriza as primeiras divindades mitológicas, é um brutal egoismo. Urano tomara aversão a todos os seus filhos: desde que nasciam, encerrava-os em um abismo e os não deixava ver o dia. Foi isto que motivou a revolta de Saturno, sucessor de Urano, foi tão cruel quanto o pai.

SUBIR


b - Conhecendo Urano.

Nome Urano
Massa 8,68 . 1025kg
Diâmetro 51.118km
Distância: Urano - Sol 2.870.972.200 km
Período de revolução (ano do planeta) 84 anos terrestres
Período de Rotação - duração do dia em Urano (comparado com a Terra) 17h 44min
Atmosfera (valores aproximados) 83% de Hidrogênio
15% de Hélio
2% de Metano

      A decoberta de Urano, é bastante recente comparado com os outros planetas. Embora exista relatos sobre a sua existência desde 1690 pelo astônomo John Flamsteed que o catalogu como estrela Tauri como muitos outros astônomos que o consideravam uma estrela. Porém a sua descoberta ocorreu no dia 13 de março de 1781 pelo astônomo inglês William Herschel e lhe deu o nome de "o Georgium Sidus" (o Planeta georgiano) em honra ao Rei George III de Inglaterra. Seguindo o critério que se adotava em dar nome aos planetas de acordo com os deuses da mitologia, o nome Urano foi inicialment proposto pelo astrônomo alemão Johann Elert Bode, que começou a ser adotado por volta de 1850.

URANO PLANETA

       Na maioria dos planetas do sistema solar, o seu eixo de rotação é aproximadamente perpendicular com o plano da sua órbita. No caso de Urano, além de possuir um movimento retrógrado, o seu eixo de rotação é praticamente paralelo ao plano da sua órbita, ou se quisermos o eixo de rotação forma um ângulo de 98º com o plano de sua órbita.
      A inclinação do eixo de rotação de Urano acaba provocando uma rotação de lado no planeta quando visto da Terra. Em períodos diferentes de sua órbita, podemos ver um dos pólos do planeta apontando para nós ou seja, diretamente apontados para o Sol. Isto acaba resultando em uma situação bastante estranha para nós, as regiões polares de Urano recebem mais energia do Sol do que as suas regiões equatoriais.
       Devido a grande distância de Urano ao Sol, o "ano" do planeta acaba sendo extremamente longo comparado ao nosso. O ano de Urano corresponde a 84 anos terrestres, o que acaba provacando uma longa duração nas estações do ano. Para termos uma idéia o inverno no hemisfério norte de Urano pode durar até 20 anos.
      NeSta imagem feita pelo telescópio espacial Hubble empregando técnicas de fotografias é possível analisar a composição da atmosfera. A cor azul indica condições atmosféricas claras, região a meia latitude (entre o pólo e o equador). A região com cor verde indica a presença de metano, a cor verde ocorre pelo fato de que a luz solar é refletida de volta sem ser abosrvida pela atmosfera. A cor verde ao redor do eixo de rotação indicado por um sinal "+" indica uma grande concentração de gás. A cor vermelha revela a presença de hidrogênio, o gás mais abundante na atmosfera de Urano. A seta branca indica na atmosfera de Urano uma núvem, que nos dá a idéia de ser pequena, porém é tão grande quanto a um continente do nosso planeta. Esta imagem é rara em Urano em virtude da sua atmosfera.

URANO PLANETA

      A composição do planeta Urano é de rochas e gelo, sendo aproximadamente 15% hidrogênio e um pouco hélio, uma certa digerença com Júpiter e Saturno que são constituídos principalmente de hidrogênio. O centro de Urano (e Netuno), ou o caroço como chamamos, é muito semelhante ao de Júpiter e Saturno, no entanto ao que tudo indica ele não possui uma camada hidrogênio metálico líquido envolvendo o caroço, como ocorre em Júpiter e Saturno.
       A cor azul de Urano é o resultado da absorção da luz vermelha que incide no metano que compõe o topo da atmosfera. Por ser um planeta gasoso provavelmente deve haver como em Jupiter faixas coloridas porém elas devem estar sendo ocultas pela camada de metano que reveste o planeta.
      Como os outros planetas de gás, Urano possui anéis. Como os de Júpiter, eles são muito escuros, porém lembram os de Saturno pois são compostos de partículas que vão desde milímetros até alguns metros. Conhecemos 11 anéis, são anéis são bastante finos e o mais luminoso é chamado de anel épsilon. Os anéis de Urano foram os primeiros a serem descobertos após os de Saturno. Esta descoberta foi importante porque mostrou que os anéis não eram uma particularidade de Saturno

URANO ANÉIS


      Nesta imagem realizada pela nave Voyager 2, no dia 21 de Janeiro de 1986, podemos visualizar os nove anéis mais conhecidos de Urano. No total até o momento os cientistas consideram que Urano tenha 11 anéis, no entanto em futura observações nada impede que tenhamos um maior número de anéis. Através da técnica de realçar cores, podemos notar com maior clareza os anéis que passariam desapercebidos pela pouca luminosidade e espessura muito fina.
URANO ANÉIS        O anel mais visível de todos, que vemos no topo da imagem, é chamado por Épsilon, em seguida vemos os outros oito anéis mais finos mostrados com cores diferenciadas entre eles. Épsilon é o mais afastado entre eles, em seguida temos o anel Delta, Gama, Eta, Beta e Alfa em tons um pouco mais claros. Em seguida, nos aproximando de Urano, temos um conjunto de três anéis conhecidos simplesmente como os anéis 4, 5 e 6.


SUBIR

Continuando a nossa viagem.....